Santos e Fluminense nos 20 anos do duelo Giovanni × Renato Gaúcho

Nesta quinta-feira (10), vamos relembrar em nossas séries históricas as semifinais entre Santos e Fluminense, no Brasileirão de 1995, que completam vinte anos nesta semana. Na ocasião, o Peixe, liderado por Giovanni, e o Flu, com Renato Gaúcho na linha de frente, preencheram uma das mais belas páginas da história da Série A, com dois dos jogos mais belos e emocionantes de toda a história do torneio.




No primeiro jogo, dia 7 de dezembro de 1995, o Fluminense saiu na frente com uma brava goleada de 4 a 1, que deixava a suspeita de fatura liquidada. Depois de um segundo tempo heróico, com dois gols nos últimos minutos, e podendo perder por dois gols na volta, tudo indicadava que a torcida tricolor podia confiar na possibilidade de botar um dos pés na final.




Entretanto, no esporte mais improvável dos improváveis, o Santos se permitiu acreditar e assumir a vontade de vencer, com Giovanni em dia inspirado. Com a camisa dez sagrada, o "Messias da Vila" fez valer a expressão "viveu o seu dia de Pelé", arrasador durante todo o jogo, recebendo uma das poucas notas 10 da história da avaliação da revista Placar para a Bola de Prata.




É injusto escolher qual dos dois jogos foi o melhor, e depois de tanta raça dos dois lados [que me perdoe o Botafogo] foi mais injusto ainda nenhum dos dois ter se sagrado campeão. Contudo, a imagem que fica guardada na memória daquelas duas semifinais é do intervalo do jogo de volta, quando em um gesto emblemático de determinação, o time alvinegro se recusou a ir para o vestiário, certo de que o foco e a concentração trariam a energia necessária para conseguir o placar restante para obter a vaga na decisão, e assim o Santos o fez, volta a uma final depois de doze anos.




Para quem não lembra, não viu ou ainda nem havia nascido, vamos recordar tudo com as fichas técnicas e vídeos das partidas na íntegra, para recordar os tempos áureos do até então futebol tetracampeão mundial, que ainda despontava alguns de seus melhores craques em seu campeonato nacional.



1º JOGO: FLUMINENSE 4 × 1 SANTOS:
Data: 7 de dezembro de 1995
Local: Estádio do Maracanã - Rio de Janeiro/RJ
Árbitro: Antônio
Gols: Giovanni 17' do 1º tempo; Renato Gaúcho (5' do 1T), Ronald (aos 25' do 2T, de pênalti), Leonardo (45' do 2T) e Cadu (47' do 2T)
Cartões amarelos: Sorley (Fluminense) e Giovanni (Santos)
Cartões vermelhos: Robert e Jamelli (Santos)
Fluminense: Wellerson; Ronald, Lima, Sorley (Gaúcho) e Cássio; Vampeta, Otacílio, Aílton e Rogerinho (Leonardo); Renato Gaúcho e Valdeir (Cadu). Técnico: Joel Santana
Santos: Edinho; Marquinhos Capixaba (Macedo), Narciso, Ronaldo Marconato e Marcos Adriano; Gallo, Vágner, Robert, Marcelo Passos (Pintado) e Giovanni; Jamelli.



2º JOGO: SANTOS 5 × 2 FLUMINENSE:
Data: 10 de dezembro de 1995
Local: Estádio Paulo Machado de Carvalho (Pacaembu) - São Paulo/SP
Árbitro: Sidrack Marinho dos Santos
Cartões amarelos: Marcos Adriano, Ronald, Carlinhos e Aílton
Cartão vermelho: Ronaldo Marconato
Gols: Giovanni aos 25' (de pênalti) e aos 29' do 1º tempo; Macedo aos 5', Rogerinho aos 7', Camanducaia aos 16', Marcelo Passos aos 37' e Rogerinho aos 39' do 2º tempo.
Santos: Edinho; Marquinhos Capixaba, Narciso, Ronaldo Marconato e Marcos Adriano; Carlinhos, Gallo, Giovanni e Marcelo Passos (Pintado, depois Marcos Paulo); Camanducaia (Batista) e Macedo. Técnico: Cabralzinho
Fluminense: Wellerson; Ronald, Lima, Alê (Gaúcho) e Cássio; Vampeta, Otacílio, Aílton e Rogerinho; Renato Gaúcho e Valdeir (Leonardo). Técnico: Joel Santana

Próxima »
« « Anterior
« Anterior
Próxima » »